Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \23\UTC 2012

eu fiz a pergunta, ele baixou os olhos e contamos quase dez segundos de silêncio. tinha uma câmera ligada, corações apaixonados e o meu sonho gritando por todos os cantos: nunca me senti tão feliz na vida. gravamos quarenta minutos e acabou como se fosse uma receita de bolo mas era aquele bando de nós na garganta. eles seguram a entrega depois do susto. não sei dizer. são apertos de mãos e o desvio dos olhos. alguém disse que era assim. porque de alguma forma foi tão suficiente.

eu tinha desistido porque não ia acontecer mais. acontece que acontece. acontece que as coisas definitivas são só ameaças de covardia. acontece que eu acordei um dia e me vi sorrindo enquanto ouvia o som daquela voz. sabe o que aconteceu? o pior. ele dizendo com todas as letras: o seu problema, o seu problema é sonhar demais. e aí eu tive vontade de rir. rir muito alto e daquele jeito que é como se nada tivesse se passado dentro do coração. e puf, nem começou. porque ele ronca tanto e tem um jeito irritante de tirar `aprendizado` de tudo. pro caralho o que você quer aprender. eu só quero continuar assim: o medo me movimentando.

sabe o que é respirar e pensar:
você era só uma miragem e agora vivo a sua vida?
de trás pra frente, com silêncios como aquele.

Anúncios

Read Full Post »